Você precisa da última versã do Flash PayerDownload da última versão Flash Player
Desconforto na Gravidez |Saúde na Gravidez 14/11/2012

Barriga de grávida com sorriso
­

Na gestação, o útero em crescimento pressiona para baixo a bexiga, principalmente no início da gravidez e quando a barriga abaixa (na maioria das vezes, quatro semanas antes do parto).

Pela maior produção do hormônio progesterona, a musculatura da bexiga também está mais relaxada, o que permite a eliminação involuntária de urina durante a tosse, o riso ou a caminhada. Urinar muitas vezes é normal durante a gestação.

A área da pelve está com circulação mais intensa, a atividade renal é estimulada e a produção de urina é maior. Os ductos coletores de urina também estão relaxados e é mais fácil a penetração de bactérias na bexiga. Por isso o ideal é que você beba bastante líquido para prevenir uma infecção das vias urinárias durante a gravidez, apesar da pressão da bexiga.

Como infecções urinárias acontecem com frequência por bactérias do intestino, é importante que a limpeza, logo após a ida ao banheiro, seja feita da frente para trás. No caso de ardência intensa e dores durante a eliminação de urina, sangue na urina, febre ou dores lombares ou dor de barriga adicionais, há suspeita de infecção renal.

Procure seu médico com urgência, pois uma infecção das vias urinárias pode causar contrações precoces. Nunca tome remédios que já foram eficazes contra infecções da bexiga antes da gravidez. Converse sobre isso com seu médico e peça a indicação correta.

Alimentação

  • É muito importante beber bastante líquido, de dois a três litros por dia, pois assim você eliminará as bactérias.
  • Coma frutas ácidas com bastante vitamina C, como laranjas, limões ou kiwis.
  • Evite açúcar refinado.

Aconteceu comigo: “No último trimestre da gravidez, eu precisava ir ao banheiro até quatro vezes por noite. Isso era irritante, mas me preparou bem para o futuro com o bebê. Eu já me acostumei a não dormir mais a noite inteira.” [Lili, 32 anos]

Prevenção

  • Ginástica para a pelve fortalece sua musculatura; assim, a bexiga ficará menos sobrecarregada.
  • Use roupas íntimas de fibras naturais e troque-as com frequência.
  • Não utilize nenhum produto para higiene íntima perfumado ou desinfetante com conservantes, eles favorecem o crescimento de bactérias.
  • Alimentação ácida e vitamina C natural tornam a urina ácida. A vantagem é que os germes não conseguem se desenvolver bem em meios ácidos.
  • Vá ao banheiro com frequência, não espere até a bexiga estar cheia. Você deve urinar também após a relação sexual para expulsar imediatamente eventuais bactérias existentes.

Gaste bastante tempo ao urinar até a bexiga estar completamente vazia (não forçar, isso sobrecarrega adicionalmente a musculatura da base da bacia), pois a urina restante é um terreno fértil para bactérias.

Tags: Gravidez, Saúde, Desconforto, Doenças, Dores, Bexiga, Infecção, Saúde na Gravidez, Desconforto na Gravidez

Sua avaliação:
1
2
3
4
5
  5 (1)